O mundo digital com os cuidados do presencial | | WOWL Education

O mundo digital com os cuidados do presencial

//O mundo digital com os cuidados do presencial

O mundo digital com os cuidados do presencial

Na virada radical de cenário onde a educação online virou a única possível em todo o planeta, não se pode deixar de olhar com atenção para o processo pedagógico em si.

A sala é virtual, mas a aula será sempre real.

Temos observado, inclusive, que os momentos online ao vivo são, muitas vezes, aqueles de maior interação, divertimento e de um exercício mais intenso das habilidades socioemocionais do aluno. É um espaço de convivência e troca e, portanto, absolutamente real e palpável.

Entendendo que esse cenário “é o que temos pra hoje” e que pode se prolongar por mais tempo, nosso time vem criando hábitos e métodos para que o ambiente seja o mais aconchegante possível em termos psicológicos e que faça lembrar todo o lado positivo da vida presencial escolar que os alunos não têm mais.

E como nenhuma saída será possível sem compartilharmos e colaborarmos uns com os outros, eis aqui alguns pontos que consideramos no planejamento e execução de nossas aulas:

1- Planejamentos adaptados sim, mas com o calor e interação de atividades dadas em aulas presenciais.

2- Por mais que saibamos que os alunos encontram-se abalados emocionalmente e fatigados com o isolamento, o medo e a mudança de estilo de vida, não dá pra abrir mão dos conteúdos programáticos. Lembrem-se que eles podem se tornar mais leves e significativos se apresentados de forma lúdica, gamificada e lançando mão de recursos tecnológicos como aplicativos e plataformas.

2- No formato online de aulas, a“tal” sala de aula invertida faz muito sentido e se torna ainda mais natural. O aluno traz suas descobertas para o momento da aula, apresenta, ensina e aprende. Há mais troca, sempre tendo o professor como referência mediadora e sensata.

3- É fundamental tirar proveito do fato de dar aula dentro da casa dos alunos. Explore seus espaços, queira conhecer o quarto, os brinquedos, os bichinhos e a família. Traga-os pra aula de vez em quanto. O afeto aquece, conforta e dá segurança. O afeto ensina e aprende. Alunos aprendem mais se estiverem seguros, aninhados e afetivamente abertos.

4- Atendimento é o desafio do século em qualquer área e a Educação não está de fora.

Perceber como está o grau de satisfação e felicidade de alunos e pais é tarefa fundamental. Acompanhar as aulas, as faltas, a postura dos alunos – faz-se mister! Interagir com os pais, pedir feedback, envolvê-los em algumas atividades e, sobretudo, atender cada aluno individualmente. Se ele não estiver à vontade no grupo, ou se o horário não for o melhor pra ele, ofereça encontros individuais transitórios. Não perca esse aluno. A felicidade dele é a felicidade dos demais, do professor e também da escola.

Se o mundo virtual poderia ser mais frio, cabe a nós trazer o calor da vida presencial para esse novo normal e minimizar as faltas, prejuízos, sofrimentos e desânimos.

 

2020-08-12T14:40:52-03:00