Que escola os pais buscam para os filhos? | | WOWL Education

Que escola os pais buscam para os filhos?

/, Todos os posts/Que escola os pais buscam para os filhos?

Alzira Willcox

A hora de escolher a escola para o filho é crucial. Que fatores levar em consideração? Que diferencial é importante para os pais?
Em primeiro lugar, os pais precisam pensar no que desejam para a formação dos filhos. Que valores julgam mais importantes quando o assunto é escola? Analisar prioridades, pensar na criança, seu temperamento, suas tendências. Então, depois de uma boa reflexão e autoavaliação, começar a busca pelo modelo desejado.
Fazer um levantamento de escolas na sua cidade, região, bairro e procurar conhecer a proposta pedagógica dessas escolas é o primeiro passo.
Uma entrevista com um representante da equipe pedagógica é muito importante para, logo de saída, conhecer o projeto pedagógico, valores e metodologia adotada pela instituição. É hora de indagar sobre cada “item-prioridade” (vamos chamar assim) que foi levantado no momento de pensar sobre a escola que desejam. Visitar, conhecer as instalações, observar o comportamento dos alunos e, aí, é importante visitar a escola em pleno funcionamento. Essa escolha tem que ser muito criteriosa porque é importante que a família acredite na proposta da escola, sinta que pode estabelecer um bom diálogo com a equipe pedagógica, crie laços que darão segurança aos filhos. Porque é fundamental, para o bom ajustamento da criança e o consequente bom desempenho escolar, que os pais estabeleçam uma boa relação com a escola, acreditem no projeto pedagógico. Criem uma relação de confiança.
Há pais que sequer se interessam por conhecer mais detalhadamente a proposta pedagógica da escola e nem a equipe pedagógica que fica à frente do projeto.
Hoje em dia existe um ranking das escolas, de acordo com o desempenho no ENEM. Muitos pais se guiam por essa classificação, mesmo se estiverem querendo matricular seu filho de 3 anos na Educação Infantil. É um critério, embora não devesse ser o único.
Claro que os pais desejam uma escola que prepare bem seus filhos e ninguém discute isso. A questão é ver a criança, seu temperamento, suas tendências. O que a escola tem a oferecer? Conhecimento é importante, como transmiti-lo também. E aí entra a metodologia adotada, ou seja, como o conhecimento é visto e as propostas desenvolvidas. Como o aluno é visto – em seu processo global ou em seu desempenho acadêmico apenas? A escola é voltada para os resultados somente ou para o aluno, suas dificuldades, tendências e vocações? Há uma diferença marcante de objetivos, dependendo da linha de ação da escola.
Para orientar os pais em suas escolhas, apresento um resumo das observações importantes sobre a escola-escolha.
• Espaço físico adequado, investimento em infraestrutura. Biblioteca, laboratórios de Ciências e Informática, auditório, quadras ou ginásio de esportes. E que não sejam decorativos, que sejam aproveitados no planejamento escolar.
• Investimento em tecnologia educacional e recursos que ofereçam uma real diferenciação. Aulas de programação, robótica, uso das redes sociais com propósitos educativos, em correlação com os conteúdos trabalhados, adoção de estratégias interessantes e motivadoras, sem relegar o conteúdo a segundo plano.
• Projeto Pedagógico: que seja claro, deixando transparecer a filosofia da escola, o olhar sobre os alunos em seu desempenho, a abordagem de conteúdos, as formas de avaliação. Como faz a integração de disciplinas, se existe preocupação com a transversalidade, se oferecem ensino de Inglês, integrado ao currículo, se trabalha com projetos temáticos.
• Investimento na formação de professores: formação continuada, preparação de funcionários no atendimento ao público. Rotatividade grande de professores gera insegurança nos pais; o principal motivo que leva as famílias a tirarem seus filhos da escola é o atendimento pedagógico. Sinal amarelo, sempre!
• Marketing da escola: que não é claramente citado pelos pais, mas que está implícito na jornada de pesquisa até a matrícula. Os fatores de influência com peso na escolha são: a indicação, a fachada, o site da escola com o conteúdo que oferece e a fidedignidade das informações.
Estamos no final de novembro e é hora de avaliação, de procura, para alguns pais, de uma escola que preencha os requisitos que valorizam. A identificação dos pais com a escola dos filhos é de fundamental importância para o sucesso.
E um lembrete. Se pensar em trocar seu filho ou sua filha de escola converse com eles. É importante ouvi-los. Escola é espaço de socialização, onde se fazem amigos. E isso é importante. Ouça o seu filho ou a sua filha para que haja uma resolução conjunta.
Para finalizar – boa escolha!

 

2020-07-10T09:00:52-03:00